Mercado Extra está mais forte em São Paulo

Leia em 1min 10s

Rede investiu R$ 4,5 milhões para iniciar a operação de mais três unidades no estado

 

 

 

O Extra reinaugurou, no dia 16 de fevereiro, mais três unidades no novo formato Mercado Extra nas cidades de São Caetano do Sul e Santo André, ambas do ABC Paulista, e uma terceira em Cubatão, no litoral. O investimento foi de R$ 4,5 milhões. Ao todo, já são 144 lojas nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Pernambuco, Ceará, Paraíba e Piauí e a expectativa é remodelar mais três unidades até maio deste ano.

 

O Mercado Extra reformula a infraestrutura interna das lojas antigas de supermercados da rede e aprimora a experiência de compra dos consumidores, oferecendo unidades ainda mais modernas e completas. A aposta da bandeira com essa nova configuração de loja tem se mostrado certeira: no terceiro trimestre de 2020, as unidades remodeladas cresceram mais de 17% na comparação com o período anterior à reforma.

 

“Para essas inovações, o Extra investe, aproximadamente, R$ 1,5 milhão em cada loja e amplia, em média, cerca de 20% o quadro de colaboradores das unidades, reforçando o atendimento e o deixando ainda mais próximo do consumidor. É um modelo totalmente voltado para as necessidades de nossos clientes, que procuram praticidade em todos os instantes e agora encontraram essas qualidades ainda mais evidentes em nossas unidades”, explica a diretora de Operações do Mercado Extra, Christiane Cruz Citrângulo.

 

Fonte: Revista SuperHiper


Veja também

Ano começa com queda brusca em lançamento de produtos

Desde 2003 não havia um janeiro com intenção tão baixa da indústria em lançar ...

Veja mais
Indústria de limpeza projeta alta de 3% em 2021

Resultado deve ser favorecido por bom volume de lançamentos e também pelo impacto da pandemia  D...

Veja mais
GPA cria operação de logística para vender serviços a terceiros

Isso representa um avanço nos trâmites para expansão do marketplace da companhia, que passa a poder ...

Veja mais
Safra de grãos deve ser recorde em 2021, diz IBGE

O Brasil deve registrar, em 2021, safra recorde de cereais, leguminosas e oleaginosas, segundo estimativa de janeiro do ...

Veja mais
Setor de orgânicos cresce 30% no Brasil em 2020

Apesar de toda a crise econômica gerada pela pandemia de Covid-19, o setor de produtos orgânicos registrou u...

Veja mais
Comércio antecipa venda de ovos de Páscoa para não repetir 2020

2021 começou meio esquisito. A venda de ovos de Páscoa começou mais cedo neste ano. Na segunda quin...

Veja mais
Faturamento do atacado distribuidor cresce 4,29% no acumulado de 2020

De acordo com pesquisa realizada pela ABAD (Associação Brasileira de Atacadistas e Distribuidores) com um ...

Veja mais
Preço da maçã, banana e melancia sobe forte em dezembro, aponta Conab

Os preços da maçã, banana e melancia subiram fortemente na maioria dos mercados em dezembro, mostra...

Veja mais
Mercado de beleza cresce no Brasil durante a pandemia

De acordo com o provedor de pesquisa de mercado Euromonitor International, o Brasil é o quarto maior mercado de b...

Veja mais