E-commerce nacional deve crescer 18% em 2021

Leia em 1min 40s

Empresa de inteligência de mercado focada em comércio eletrônico aponta que, no ano passado, as vendas on-line atingiram o maior volume de compras da história do e-commerce brasileiro e que o avanço do varejo digital seguirá firme neste ano

  

 

  

O ano de 2020, impulsionado pelo distanciamento social em função da epidemia da covid-19, teve o maior crescimento da história do e-commerce. Os números mostram que o varejo digital virou um grande aliado dos brasileiros na hora de comprar, oferecendo conforto, segurança e economia. Para 2021, a tendência é de que esse setor continue em alta. É o que aponta levantamento da Neotrust/Compre&Confie, empresa de inteligência de mercado focada em e-commerce, que indica que o varejo digital deve ter um crescimento de 18% neste ano. Em 2020, o setor atingiu o maior volume de compras da história: 301 milhões de compras foram realizadas, número que representa uma alta de 68,5% em relação a 2019.

 

Como resultado, o setor movimentou R$ 126,3 bilhões, valor 68,1% maior na comparação ao ano anterior. Apesar do crescimento, o tíquete médio sofreu uma leve queda de 0,2%, atingindo R$ 419. Analisando as categorias de itens mais comprados, os produtos de tíquete médio menor foram os mais buscados pelos brasileiros, somando mais da metade do volume de vendas nas primeiras colocações. No quesito faturamento, os itens de maior valor foram os campeões. As categorias campeãs em volume de vendas foram moda e acessórios, responsável por 19,9% do total de pedidos realizados no período, seguidas por beleza, perfumaria e saúde, com 14,4% desse volume, e entretenimento, com 12,8%.

 

Já os produtos que geraram maior receita mostram que a telefonia ocupou o primeiro lugar, com 20,3% da cifra gerada no ano. Em segundo lugar está eletrodomésticos e ventilação (15,9% do total) e, em terceiro, entretenimento (12,6%). As compras mostram que por conta da pandemia e isolamento social, houve um investimento maior dos consumidores em itens a serem usados em casa.

 

Fonte: Redação SuperHiper


Veja também

Carrefour Brasil cresce dois dígitos em 2020

Valor movimentado pela companhia totalizou R$ 74,8 bilhões. Com este resultado, a operação do Carre...

Veja mais
Rede Savegnago é a preferida dos consumidores

Companhia lidera a lista de “valor percebido”, de acordo com pesquisa da CVA Soluctions, que avaliou quesito...

Veja mais
GreenYellow lucra alto com energia solar

 No ano passado, a multinacional francesa especializada em eficiência energética registrou crescimento...

Veja mais
Primeiro iogurte em embalagem de papel

Lançamento da Vigor utiliza material biodegradável, de fonte renovável, e possui maior nível...

Veja mais
Mercado Extra está mais forte em São Paulo

Rede investiu R$ 4,5 milhões para iniciar a operação de mais três unidades no estado &nb...

Veja mais
Ano começa com queda brusca em lançamento de produtos

Desde 2003 não havia um janeiro com intenção tão baixa da indústria em lançar ...

Veja mais
Indústria de limpeza projeta alta de 3% em 2021

Resultado deve ser favorecido por bom volume de lançamentos e também pelo impacto da pandemia  D...

Veja mais
GPA cria operação de logística para vender serviços a terceiros

Isso representa um avanço nos trâmites para expansão do marketplace da companhia, que passa a poder ...

Veja mais
Safra de grãos deve ser recorde em 2021, diz IBGE

O Brasil deve registrar, em 2021, safra recorde de cereais, leguminosas e oleaginosas, segundo estimativa de janeiro do ...

Veja mais