Cerveja Therezópolis é comprada por Coca-Cola FEMSA e Andina

Leia em 1min 20s

Negócio faz parte da estratégia da Coca-Cola para completar o portfólio no Brasil. Anúncio acontece após mudança de distribuição da Heineken

 

A Coca-Cola FEMSA e a Andina, ambas engarrafadoras da Coca-Cola, anunciam a compra da marca brasileira de cervejas Therezópolis. O comunicado para o mercado afirma que: “este acordo faz parte das suas estratégias de longo prazo para complementar o portfólio de cervejas no Brasil. A transação está sujeita às condições habituais de aprovações e deverá ser concluída durante o terceiro trimestre de 2021”.

 

A novidade acontece após a The Coca-Cola Company, Sistema Coca-Cola Brasil e Grupo Heineken anunciarem, em fevereiro, o redesenho da parceria de distribuição no Brasil. Na mudança prevista para este semestre, a Heineken e Amstel ficam com distribuição própria, enquanto o Sistema Coca-Cola oferece Kaiser, Bavaria e Sol, além de Eisenbahn e outras marcas internacionais.

 

Deste modo, a compra da Therezópolis deve suprir uma lacuna para os amantes de cerveja premium artesanal. Segundo informações de mercado, por este motivo, as engarrafadoras devem manter a fórmula e os processos de fabricação.

 

A Cerveja Therezópolis foi fundada em 1912 por um descendente de dinamarqueses. A produção se estendeu até 1922 e depois foi retomada em 2006 por um descendente do empreendedor. Em dezembro de 2020, a cervejaria representava 10% do faturamento do grupo Arbor.

 

Para Paulo Petroni, presidente da associação CervBrasil, a novidade é boa para o mercado. “Haverá um acirramento ainda maior da concorrência do mercado com mais opções de produtos para os estabelecimentos comerciais e consumidores finais. Quanto maior a oferta de fabricantes de peso neste melhor será o desempenho, qualidade e competitividade de todos”.

 

Fonte: Exame


Veja também

Ambev lança divisão para diversificar atuação em alcoólicos

A Future Beverages chega ao mercado com um portfólio de oito marcas, entre elas, a Hard Seltzer com água g...

Veja mais
Pepsi vende marcas de sucos

Procura por bebidas saudáveis e sem açúcar, tem levado a companhia a realizar uma grande revis&atil...

Veja mais
Venda de vinhos bate mais um recorde

Vinícolas brasileiras comemoram o salto expressivo nas comercializações dos rótulos nacionai...

Veja mais
Wine quer acelerar a venda de vinho nos supermercados

Experiência no mundo digital com 250 mil assinantes faz a empresa dar um novo passo no varejo brasileiro Depo...

Veja mais
Venda de cervejas premium surpreende mercado

A pandemia trouxe mudanças no market share e acirrou a concorrência entre as cervejas mais caras Os se...

Veja mais
Ambev se surpreende com vendas na pandemia

Marcas premium puxaram os volumes e a receita total cresceu 36% no segundo trimestre Apesar das temperaturas mais b...

Veja mais
Coca-Cola amplia ações na pandemia com apoio à vacinação e combate à fome

Recursos destinados a ações humanitárias no Brasil chegam a R$ 55 milhões de reais e benefic...

Veja mais
Líder no mercado de sucos impulsiona negócios sustentáveis

Natural One incentiva empreendedorismo sustentável e financiará o primeiro passo de três projetos se...

Veja mais
Brasil bate recorde de vendas de vinho na pandemia

Aumento no consumo foi de 30% em relação a 2019, com quase 3 garrafas por pessoa, sendo que metade be...

Veja mais