Supermercado usa IA para enfrentar ruptura e fortalece o caixa

Leia em 3min 50s

Rede catarinense identificou, em três meses, quase nove mil problemas de execução que afetavam as vendas

 

A ruptura de estoque está entre os problemas que mais geram impacto negativo na receita de empresas do varejo. No entanto, diferente do que muita gente pensa, boa parte das rupturas não acontecem no caminho da indústria até a loja, mas sim no trajeto que o produto percorre do depósito até a gôndola.

 

De acordo com dados da Involves, 15% dos SKUs de uma loja sofrem pelo menos uma indisponibilidade de gôndola por mês. As equipes do Althoff Supermercados, rede com sede em Criciúma (SC), enfrentavam esses e outros desafios relacionados à execução. Para resolver essas questões – e recuperar mais de R$ 115 mil em vendas em três meses – a empresa passou a contar com o Involves Doors, ferramenta de abastecimento inteligente da companhia.

 

A solução identifica, entre outros recursos, possíveis rupturas de gôndola ou problemas na disposição dos SKUs no PDV. Inicialmente, a rede implementou a tecnologia em 4 das suas 11 lojas e, em três meses de uso, identificou 8.977 problemas de execução que afetavam as vendas. A ferramenta consegue detectar mais de 20 tipos diferentes de erros, como estoque virtual, falta de etiqueta de preço nos produtos e ruptura na gôndola. A identificação e correção ágil gerou a recuperação de R$115 mil no período, o que representa 1,7% do faturamento do Althoff.

 

Isso é possível porque a solução usa inteligência artificial para detectar comportamentos fora do padrão em cada SKU e dispara alertas diários para que a equipe de reposição verifique os produtos e resolva os problemas identificados pela ferramenta o mais rápido possível. Ao final de cada dia, a inteligência artificial do sistema faz a “varredura” nos dados de vendas e de estoque da loja.

 

O algoritmo processa esse volume de informações e identifica se algum SKU apresentou comportamento estranho no período. Esse aprendizado acontece de forma exclusiva para cada loja e SKU, melhorando a exatidão das missões que serão enviadas para a loja no próximo dia. Com as informações dos SKUs que precisam ser verificados, a ferramenta distribui automaticamente as tarefas para cada profissional da equipe de reposição, e por meio do aplicativo para smartphone, repositores atualizam o status de cada demanda. A precisão da inteligência artificial do Involves Doors, que atualmente está em 90%, evita trabalhos repetitivos, otimizando o tempo da equipe de loja. 

 

O responsável pelo gerenciamento de categorias do Althoff Supermercados, Amauri Mallet, explica que a ferramenta facilita o trabalho da equipe de abastecimento pois aponta com precisão os itens que devem ser monitorados naquele momento. “A ferramenta é muito útil, porque ajuda o repositor a não ter que ficar procurando trabalho no chão de loja. Basta ele seguir as missões sugeridas diariamente pela ferramenta para manter o PDV organizado e em dia”, conta Amauri.

 

O head de produtos de varejo da Involves, Otávio Senna, destaca que o aplicativo funciona como um organizador da rota de reposição dentro do estabelecimento – o que aumenta a produtividade. “O sistema organiza as tarefas de cada profissional de acordo com a árvore mercadológica de cada rede. Então, em vez de ficar percorrendo os corredores procurando possíveis rupturas ou problemas de má disposição dos SKUs a olho nu, o profissional tem uma atuação muito mais assertiva”, afirma. Além das missões sugeridas pelo sistema, repositores da loja podem criar novas missões à medida que encontram produtos com erros de execução.

 

O sistema apura em tempo real qual foi o impacto da resolução, ou não, de cada missão do dia. Dados como a venda recuperada e o faturamento perdido no dia ficam disponíveis em tempo real para a equipe de gestão do estabelecimento por meio de um dashboard mobile e web. O diretor de operações e tecnologia do Althoff Supermercados, Aquison Machado, conta que a visibilidade oferecida pelo sistema é fundamental para o trabalho. “A ferramenta permitiu que a gente tirasse do papel um sonho antigo da rede, de tornar a jornada do repositor mais inteligente e confiável. Agora temos a visão mais apurada de como nossa equipe de loja está trabalhando e se os SKUS estão recebendo atenção sempre que necessário”, comenta.

 

Essa visibilidade, explica Otávio, é um benefício que a ferramenta oferece tanto para a resolução mais imediata de erros de execução quanto para detectar e solucionar problemas recorrentes na operação. ”Além de ter resultados imediatos, ele também permite aos varejistas identificar problemas crônicos na operação. Com isso, a rede pode traçar uma estratégia de vendas mais eficiente e baseada em dados precisos”, finaliza Otávio.

 

Redação SuperHiper 


Veja também

Friboi lança plataforma que conecta consumidores e varejistas

Solução Compre Online Friboi foi criada para direcionar o consumidor ao varejo mais próximo com a a...

Veja mais
Rede testa carrinho de compras com self checkout

Em Nova York, a Morton Williams Supermarkets desenvolve projeto para pagamento nos próprios carrinhos de compras&...

Veja mais
Inteligência artificial e Machine learning agregam valor aos supermercados

Isso ocorre através da capacidade de previsibilidade da demanda, revela Pesquisa Global de Varejo  O us...

Veja mais
Kroger usa dados para identificar “consumidores híbridos”

Números do braço de Analytics da rede de supermercados mostram que 1 em cada 10 residências já...

Veja mais
Plataformas conectam pequenas empresas à grandes varejos

Produtores artesanais conseguem chegar aos supermercados maiores, assim como o pequeno comerciante tem acesso às ...

Veja mais
Delivery próprio e apps disputam atenção no e-commerce

Supermercados dos EUA investem em estruturas próprias para aumentar margens e controlar o relacionamento com o cl...

Veja mais
Dez milhões de clientes 60 + fizeram a 1ª compra online na pandemia

Estudo da SBVC revela também que 59% dos clientes da terceira idade preferem o aplicativo quando utilizam o celul...

Veja mais
Comércio eletrônico brasileiro segue aquecido no segundo semestre

Vendas do e-commerce nacional continuam em alta, mesmo com a reabertura das lojas físicas O faturamento do e...

Veja mais
Compras online de petfood disparam na pandemia

Pesquisa Kantar constata que os gastos por esse canal bem são superiores ao físico. Conheça os dado...

Veja mais