Idosos estão cada dia mais conectados, diz pesquisa

Leia em 2min 40s

Os idosos brasileiros estão usando cada vez mais a internet para pesquisar preços, mandar mensagens, fazer chamadas de voz e vídeo, compartilhar conteúdos e fazer compras online.

 

Entre os de 60 anos e mais, 58% deles possui acesso à internet nos smartphones. Somente 8% usam apenas o computador para acessar a rede. Os dados são resultado da nova pesquisa do TIC Domicílios, do Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação (Cetic.Br), divulgada na última quarta-feira (28).

 

Em 2017, apenas 21% dos idosos diziam ter usado um computador. Nos últimos três meses, tinham usado a internet no celular 32% dos idosos. Em 2017, esse percentual era de 27% e em 2015, 13%.

 

Em números gerais, 93% dos domicílios brasileiros dispõem de celulares, ao passo que só há computadores portáteis em 27% e de mesa, em 19% dos lares. Embora o acesso à internet esteja disponível em 67% dos domicílios, apenas 39% possuem internet e computador.

 

Do total da população, 76% já utilizaram a internet. Na faixa de 60 anos ou mais, o número é de 34%. Entre os idosos conectados, 91% acessaram a rede pelo celular, 25% pelo computador de mesa, 24% pelo notebook e 10% pelos tablets.

 

Obstáculos

 

Segundo o estudo, para 72% dos idosos, a razão para não usarem a internet é a falta de habilidade com o computador. A falta de interesse para com a internet é a razão de não a terem utilizado para 67% dos idosos – a turma de 35 a 44 anos, enquanto 43% declararam não ver necessidade em utilizá-la.

 

Para 39%, o motivo da rejeição é a insegurança ou o temor de perderem a privacidade. Também nesse ponto, os idosos parecem ter mais confiança que faixas etárias menores. De 35 a 44 anos, 55% deram como razão esse temor para não usar a web. Entre os 45 e os 59 anos, 51% apresentaram esse argumento para não acessar a internet.

 

Hábitos

 

Mas o que os idosos fazem na internet? A compra online já seduz 28% dos que tem mais de 60 anos. Entre os que não tinham usado a internet para fazer compras nos últimos 12 meses, 83% disseram preferir o comércio tradicional, em que se pode ver o produto; 62% afirmaram não confiar nessa modalidade de venda; 59% temiam entregar suas informações pessoais e 57% declararam não ter interesse na prática.

 

Os idosos que utilizaram a internet para preencher formulários online, pagar taxas ou impostos somam 14%. Apenas 7% utilizaram a rede mundial de computadores para obter documentos pessoais, como RG, carteira de trabalho ou passaporte, contra percentuais de 25 a 27% nas faixas mais jovens.

 

Marina Yamanishi, 68 anos, utiliza a internet não somente no celular, mas no computador e na produção de jogos e trabalhos. Segundo ela, os mais jovens acreditam que os mais velhos têm mais dificuldade.

 

“Os jovens acham que a gente é alienado em informática e internet. Quando eu comecei a usar o celular, o computador e mostrei pra ele o que eu fazia, os jogos, ele ficou feliz e até comentou com os amigos, orgulhoso da avó!”, comenta.

 

Metodologia

 

A pesquisa TIC Domicílios foi realizada presencialmente em 23.508 domicílios em 350 municípios, entre outubro de 2018 a março de 2019.

 

Fonte: Consumidor Moderno

 


Veja também

Black Friday ‘b’ impulsiona e-commerce

Ao longo do primeiro semestre de 2019, o mês de março (com 18,2% do share) surpreendeu e encostou nas venda...

Veja mais
Black Friday: você já está preparado?

Temos aproximadamente três meses para a Black Friday. Você já começou a se preparar? A data, q...

Veja mais
92% dos clientes voltam a comprar quando passam por uma boa experiência de troca

A Ebit, que mede a reputação das lojas virtuais por meio de pesquisas com consumidores, realizou um levant...

Veja mais
97% dos consumidores pesquisam no e-commerce antes de visitar lojas físicas

A crescente integração entre os meios online e off-line tem acabado com as diferenciações ma...

Veja mais
Seis em cada dez internautas fizeram compras em aplicativos de loja

Os brasileiros vêm se rendendo, cada vez mais, às compras de produtos e serviços por meio de smartph...

Veja mais
Uma vitrine para o e-commerce

O Brasil tem hoje quase 90 mil lojas virtuais, que devem encerrar 2019 com um faturamento somado de R$ 80 bilhões...

Veja mais
Mais de 80% dos varejistas pretendem usar apps e QR Codes como meios de pagamento

A Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC) estima que mais de 80% dos varejistas pretendem adotar aplicativos e Q...

Veja mais
Entrega em 24 horas é a nova cereja do bolo

Em busca do equilíbrio entre o tempo de distribuição do pedido e o preço final da mercadoria...

Veja mais
Internautas estão usando mais aplicativos e redes sociais para fazer compras

Os internautas brasileiros estão usando mais aplicativos e redes sociais para comprar. Segundo levantamento do SP...

Veja mais