(299)
Jurídico
Apresentação
Membros do Comitê
» Notícias Jurídicas
 
Você está em:

Comitês

Restrição aos caminhões em SP deve refletir diretamente no bolso do Consumidor 05/03/2012 às 09h

Com nove horas de restrição diária, empresas devem aumentar a frota, o que pode encarecer o preço do frete


A partir da próxima segunda-feira (5), os caminhões que desrespeitarem a restrição de circulação em importantes vias da cidade de São Paulo estarão sujeitos à multa. Com a restrição, empresas ligadas ao setor de transporte terão de investir em novas frotas, o que deve refletir no bolso do consumidor.


Para o presidente do Setcesp (Sindicato das Empresas de Transportes de Carga de São Paulo e Região), Francisco Pelucio, qualquer restrição para os caminhões é ruim. “São quatro horas de manhã e cinco horas entre o período da tarde e da noite. Com isso, as empresas terão um aumentos nos custos, o que deve refletir no bolso do consumidor”, explica.


Segundo Pelucio, com a restrição, as empresas que antes usavam o mesmo caminhão em dois turnos, com motoristas diferentes, terão de investir em nova frota, caso queiram manter esses funcionários. “O problema maior será deixar esse motorista parado. Aumentam os custos com mão de obra e com hora extra, o que vai influenciar no preço do frete”, comenta.


De acordo com o presidente do sindicato dos transportadores, ainda não é possível estimar de quanto será o aumento do frete, caso as empresas precisem realizar o reajuste, porém, ele afirma que entre 30 e 40 dias o consumidor já deve perceber os reflexos da restrição no bolso.

 


Horário de entrega


Em relação à lei estadual paulista que obriga os fornecedores a fixarem data e turno para a entrega de produtos, Pelucio afirma que ainda não sabe o que pode acontecer, já que alguns caminhões terão de ficar parados na entrada da cidade, esperando o horário em que poderão circular. “Primeiro foi o rodízio, agora a restrição. Isso com certeza deve prejudicar a entrega. Além disso, não sabemos onde esses caminhões vão ficar parados para esperar o momento de entrar na cidade”, afirma.

 


Restrição


Com o início da fiscalização, os caminhões ficam restritos de circular em vias da cidade de São Pauilo, como Marginal Tietê e Avenida dos Bandeirantes.


O horário de restrição será de segunda à sexta-feira, das 5h às 9h e das 17h às 22h, e aos sábados, das 10h às 14h. Os motoristas que desrespeitarem a restrição serão multados em R$ 85,13 e ganham quatro pontos na carteira de habilitação, caracterizando infração média.

 


Autor: Fabiana Pimentel
Fonte: InfoMoney / ConsumidorRS (03.03.12)




Clipping Portal ABRAS


Últimas

» OAB e Anamatra questionam exclusão da TR para correções trabalhistas 16 de Abril 2021, às 10h
» CNJ revoga decisão que suspendeu prazos processuais do TRT-2 e TRT-15 16 de Abril 2021, às 10h
» Liminar do TJ-SP garante exclusão de contribuições sociais do cálculo do ISS 16 de Abril 2021, às 10h
» Ministra propõe afastar tributação sobre inflação em rendimentos financeiros 16 de Abril 2021, às 10h
» Garantia de teletrabalho para gestantes durante pandemia vai à sanção 16 de Abril 2021, às 10h
» Inmetro anuncia regras para conteúdo de produtos com brindes 16 de Abril 2021, às 10h
» Prazo para transação com condições mais benéficas aos contribuintes com recuperação judicial já concedida termina no dia 29 de abril 16 de Abril 2021, às 10h
» TRT 2ª REGIÃO – ALGUNS SERVIÇOS DE TI ESTARÃO INDISPONÍVEIS ENTRE SEXTA E DOMINGO POR CONTA DE MANUTENÇÃO PROGRAMADA 16 de Abril 2021, às 10h
» TRT 4ª Região – PJe estará indisponível neste sábado (17/4) para atualização de versão 16 de Abril 2021, às 10h
» TRT 1ª Região – PJe será interrompido no dia 24/4 para instalação da versão 2.6.3 16 de Abril 2021, às 10h

Ver mais »