(299)
Jurídico
Apresentação
Membros do Comitê
» Notícias Jurídicas
 
Você está em:

Comitês

Publicada hoje Portaria nº 209/2011 prorroga o prazo de validade... 05/05/2011 às 11h

 

...de Certificado de Aprovação de Equipamentos de Proteção Individual - EPI

 

SECRETARIA DE INSPEÇÃO DO TRABALHO


PORTARIA N.º 209, DE 4 DE MAIO DE 2011


(DOU de 05/05/2011 Seção I pág. 92)


Altera as Portarias SIT n.º 121/2009 e n.º 126/2009, prorroga o prazo de validade de Certificado de Aprovação de Equipamentos de Proteção Individual - EPI e dá outras providencias.


A SECRETÁRIA DE INSPEÇÃO DO TRABALHO, no uso das atribuições conferidas pelo art. 14, inciso II, do Decreto n.º 5.063, de 3 de maio de 2004 e em face do disposto no item 6.9.2 e na alínea 9c9 do item 6.11.1 da Norma Regulamentadora n.º 6, aprovada pela Portaria MTb n.º 3.214, de 8 de junho de 1978, resolve:


Art. 1º Incluir o Art. 4A na Portaria SIT n.º 126, de 02 de dezembro de 2009.


“Art. 4A Para emissão ou renovação de CA de equipamento de proteção individual conjugado cujos dispositivos são fabricados por empresas distintas, o requerente deverá apresentar:


I. Cópias autenticadas com firma reconhecida em cartório


a) de declaração do fabricante detentor do CA do dispositivo que será conjugado com o equipamento do requerente, autorizando a utilização do seu dispositivo para a fabricação do equipamento conjugado;


b) do contrato social do fabricante detentor do CA do dispositivo que será utilizado para fabricação do equipamento conjugado;


c) do relatório de ensaio emitido por laboratório credenciado pelo DSST comprovando a eficácia das conexões e junções.”



Art. 2º O Anexo I da Portaria SIT n.º 121, de 30 de setembro de 2009, passa a vigorar com as seguintes alterações:

“1.3 ............................................

a) capacete para combate a incêndio.

..........................................................

1.3.2.2 Serão aceitos, em caráter excepcional e temporário, até 30 de junho de 2012, os resultados de ensaios realizados de acordo com a Norma ASTM F 1506- 08, ASTM F 1930-08 e ASTM D 6413-08 pelos laboratórios:

.............................................................

1.3.4 Os ensaios laboratoriais dos EPI devem ser realizados prioritariamente em laboratórios nacionais credenciados pelo DSST.

1.3.4.1 Além das situações previstas nesta Portaria, serão aceitos relatórios de ensaio ou declaração de conformidade realizada no exterior, em caráter excepcional, somente nos casos em que não haja laboratório nacional credenciado pelo DSST apto para a realização dos ensaios.

...............................................

2.4.1 Os equipamentos de proteção individual conjugados, tais como calçado + vestimentas ou luvas + vestimentas para proteção contra agentes meteorológicos, água e químicos, devem ter suas conexões e junções avaliadas de acordo com os requisitos estabelecidos no Anexo B da norma ISO 16602:2007.

2.4.1.1 Somente é permitida a emissão de CA para os equipamentos de proteção individual conjugados indicados no item 2.4.1 quando seus dispositivos forem destinados à proteção contra o mesmo risco.”


Art. 3º O anexo II da Portaria SIT n.º 121, de 30 de setembro de 2009, passa a vigorar com as alterações indicadas no quadro Anexo a esta Portaria.


Art. 4º Os Certificados de Aprovação - CA dos Equipamentos de Proteção Individual - EPI terão sua validade prorrogada, conforme disposto a seguir:


I. EPI destinados a proteção contra agentes térmicos (calor) e chamas, exceto arco elétrico, fogo repentino e combate a incêndio, que estão válidos até 30/04/2011 e cujas amostras aguardam a realização de ensaios pelo laboratório credenciado pelo DSST, serão prorrogados para a data prevista para conclusão dos ensaios, acrescida de 60 dias;


II. EPI destinados a proteção contra riscos químicos (industrial e agrotóxico), que estão válidos até 07/06/2011 e cujas amostras forem recebidas para análise até dia 20/05/2011 pelos laboratórios credenciados pelo DSST, serão prorrogados para a data prevista para conclusão dos ensaios, acrescida de 60 dias;


III. EPI destinados a proteção contra agentes térmicos (calor) e chamas, utilizados no combate a incêndio, que estão válidos até 07/06/2011, serão prorrogados para 07/06/2012;


IV. EPI destinados a proteção contra agentes térmicos (calor) e chamas provenientes do arco elétrico e/ou fogo repentino, que estão válidos até 07/06/2011, serão prorrogados para 31/12/2011.


§ 1° Os laboratórios credenciados devem encaminhar lista com o número do CA e a previsão para conclusão dos ensaios para o DSST.


§ 2° Os CA enquadrados nas situações elencadas nos incisos acima terão sua validade prorrogada no sistema CAEPI e serão disponibilizados para consulta no endereço eletrônico http://www.mte.gov.br, não sendo emitido novo documento.


Art. 5º Estabelecer procedimentos transitórios para fins de renovação dos CA dos EPI destinados a proteção contra agentes térmicos (calor) e chamas, provenientes do arco elétrico e/ou fogo repentino.


I. Para a renovação dos CA dos EPI destinados a proteção contra agentes térmicos (calor) e chamas, provenientes de arco elétrico e/ou fogo repentino o fabricante ou importador cadastrado deve apresentar:


a) solicitação de renovação do CA protocolada no MTE até 31/ 08/ 2011;


b) memorial descritivo do EPI, contendo as informações indicadas no inciso II do art. 4º da Portaria SIT n.º 126, de 02 de dezembro de 2009;


c) fotografias coloridas do EPI e do local de marcação do CA no EPI, capazes de demonstrar, nos ângulos necessários, os detalhes do equipamento;


d) cópia autenticada e tradução juramentada de documento emitido por laboratório de ensaio do exterior, que atenda as exigências indicadas no item 1.3 do Anexo I da Portaria 121/2009, indicando o tipo de EPI, com seu respectivo CA, a norma técnica de ensaio aplicável e a data prevista para conclusão dos ensaio.


Art. 6º Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação.


VERA LÚCIA RIBEIRO DE ALBUQUERQUE

 

 

ANEXO

 

 

 

 

Equipamento de

Proteção

Individual - EPI

Enquadramento

NR-6 - Anexo

Norma Técnica

Aplicável

 

Especificidades

 

CAPUZ OU

BALACLAVA

 

 

Riscos de origem

térmica (calor) e

chamas

 

 

 

EN 13911:2004

 

 

Combate a incêndio

 

 

 

 

 

 

 

 

 

VESTIMENTA PARA

PROTECAO DO

TRONCO

 

Riscos de origem

térmica (calor) e

chamas

 

 

 

EN 469:2005

 

Combate a incêndio

de estruturas

 

Riscos de origem

térmica (calor) e

chamas

 

 

 

ISO 15614:2007

 

 

Combate a incêndios

Florestais

 

Riscos de origem

Mecânica

 

 

ISO 11611:2007 ou

alteração posterior

 

Agentes abrasivos e

escoriantes.

 

 

Riscos de origem

mecânica

 

 

ISO 13998:2003

 

Riscos provocados

por cortes por

impacto provocado

por facas manuais.

 

 

Riscos de origem

meteorológica

(água)

 

 

EN 343:2003 +

A1:2007 ou

alteração posterior

 

 

 

 

 

 

 

LUVA

 

 

 

 

 

Agentes cortantes e

perfurantes

 

EN 420:2003 + EM

388:2003 ou

alteração posterior

 

 

 

AFOR

NF.S.75002/187 ou

ISO 13999-1:1999

ou ISSO 13999-

2:2003 ou alteração

Posterior

 

 

 

Para luvas em malha

de aço e outros

materiais

alternativos

 

Agentes térmicos

(calor e chamas)

 

 

EN 659:2003 +

A1:2008

 

Combate a incêndio

 

 

 

 

MANGA

 

 

 

 

Agentes cortantes e

perfurantes

 

ISO 11611:2007 +

EN388:2003 ou

alteração posterior

 

 

 

Corte e perfuração

 

ISO 13999-1:1999

ou ISSO 13999-

2:2003

 

Contra cortes e

golpes por facas

manuais

 

 

 

CALÇADO

 

Agentes térmicos

(calor)

 

 

ISO 20349:2010

 

Riscos térmicos e

salpicos de metal

fundido.

 

 

 

 

 

PERNEIRAS

 

Agentes abrasivos e

Escoriantes

 

 

ISO 11611:2007 ou

alteração posterior

 

 

Agentes cortantes e

Perfurantes

 

 

 

ISO 13998:2003

 

 

 

 

CALÇA

 

 

 

Agentes térmicos

(calor e chamas)

 

EN 469:2005

 

 

Combate a incêndio

de estruturas

 

 

ISO 15614:2007

 

 

Combate a incêndios

Florestais

 

 

 

 

MACACÃO

 

 

 

Agentes térmicos

(calor)

 

EN 469: 2005

 

 

Combate a incêndio

de estruturas

 

 

ISO 15614:2007

 

 

Combate a incêndios

Florestais

 

 

Fonte: Diário Oficial da União (05.05.11)




Clipping Portal ABRAS


Últimas

» Tentativas de fraude em nome da PGFN 27 de Novembro 2020, às 16h
» Consumidor que recebeu restituição do valor pago deve devolver veículo com defeito ao vendedor 27 de Novembro 2020, às 16h
» Novo rito para julgamentos administrativos de pequeno valor 27 de Novembro 2020, às 16h
» Receita e CNJ dão o primeiro passo para melhorar a eficiência do contencioso tributário 27 de Novembro 2020, às 16h
» Covid-19: divulgado calendário de pagamentos e saques do auxílio emergencial 27 de Novembro 2020, às 16h
» Projeto que altera a Lei de Falências segue para sanção 26 de Novembro 2020, às 16h
» TJRS – Justiça autoriza que shopping pague somente pela luz utilizada durante primeiros meses da pandemia 26 de Novembro 2020, às 16h
» Site da Receita Federal traz nova seção relacionada à regularização do CPF 26 de Novembro 2020, às 16h
» TJDFT aprova criação de vara exclusiva para cobrança do ICMS 26 de Novembro 2020, às 16h
» TJMG adota Juízo 100% Digital 26 de Novembro 2020, às 16h

Ver mais »