Notícias do setor
Economia
Jurídico
Tecnologia
Marketing
Bebidas
Carnes / Peixes
Notícias Abras
Geral
Redes de Supermercados
Sustentabilidade
SuperHiper
 







Você está em:
  • Notícias do setor »
  • Geral

Notícias do setor - Clipping dos principais jornais e revistas do Brasil

RSS Geral

24/06/2013 11:19 - Espresso e telefone ajudam as vendas

Na capital gaúcha, a tábua de salvação das bancas de jornais é feita de doces, balas, gomas de mascar, biscoitos, picolés, café espresso, refrigerantes, cartões telefônicos e cigarros. Liberados pela prefeitura para venda entre 2008 e 2010, eles já representam, em média, 50% do faturamento do setor na cidade, estima o presidente do Sindicato dos Vendedores de Jornais e Revistas do Rio Grande do Sul, Ernesto Pereira da Silva.

Apesar da diversificação do portfólio, o setor vem encolhendo gradativamente. Segundo a Secretaria Municipal da Indústria e Comércio (SMIC), existem 302 bancas licenciadas na cidade, mas o sindicato calcula que apenas 200 estão em operação, ante 350 há pouco mais de 20 anos. Metade delas tem faturamento diário de até R$ 1,2 mil, outras oscilam entre R$ 3 mil e R$ 5 mil e poucas passam deste valor. Até agora não há nenhum estudo para receber o vale-cultura, diz Silva.

Conforme o empresário, o declínio começou ainda na década de 1980 com a concorrência de pontos como supermercados, lojas de conveniência e até farmácias. Depois veio a expansão das assinaturas de jornais e o inimigo mais recente é a internet. O número dos chamados "pontos alternativos" de comercialização de jornais na cidade, sem contar as vendas avulsas nas ruas, já passa de 500, mais do que o dobro da quantidade de bancas, estima o sindicato.

Os novos produtos vendidos nas bancas também têm margens mais atraentes. O ganho pode chegar a 100%, ante a comissão de 25% sobre jornais e revistas. O setor fatura ainda com a locação de espaço publicitário para indústrias de refrigerantes, operadoras de telefonia e outras empresas. Segundo Silva, na onda de manifestações contra os preços da tarifa de ônibus que atravessa o país, algumas bancas tiveram a publicidade arrancada nos últimos dias, mas até agora nenhuma foi depredada mais seriamente.

Pela lei municipal, as bancas só podem ser instaladas nas calçadas em que sobrar um espaço livre de 1,8 metro para trânsito de pedestres. Quando há um edifício em frente, o dono ou o síndico do prédio deve autorizar o funcionamento do ponto, o que causa insegurança para o setor. "Já tentamos mudar esta regra, mas não conseguimos", explica Silva. A SMIC não quis se manifestar sobre o assunto.

Segundo o presidente do sindicato, cada empresário tem direito a receber apenas um alvará de funcionamento da prefeitura, o que garante o perfil familiar das operações. É o caso de Lenir Pereira, há 20 anos dona da banca Cultura, em um bairro da zona sul de Porto Alegre. Professora por formação e casada com um administrador de empresas, ela encontra no pequeno negócio uma contribuição importante para o sustento da família.

Lenir ainda obtém 60% do faturamento com a venda de jornais e revistas, principalmente as especializadas em temas como artesanato, arquitetura, história e geografia. As revistas de variedades populares, que custam entre R$ 1,25 e R$ 2, saem como "pão quente", em uma média diária superior a cem unidades, diz a empresária.



Veículo: Valor Econômico

Enviar para um amigo
Envie para um amigo
[x]
Seu nome:
E-mail:
Nome do amigo:
E-mail do amigo:
Comentário
 

 

Veja mais >>>

23/02/2021 11:27 - Insumos derrubam margem do produtor de leite em 50%
23/02/2021 11:21 - Tomate acumula alta de preço de mais de 30% em Belém
23/02/2021 11:18 - Embalagens e alimentos têm `mínima probabilidade de espalhar` coronavírus
11/02/2021 12:46 - Safra de grãos deve ser recorde em 2021, diz IBGE
10/02/2021 12:23 - Setor de orgânicos cresce 30% no Brasil em 2020
01/02/2021 15:32 - Comércio antecipa venda de ovos de Páscoa para não repetir 2020
29/01/2021 15:46 - Faturamento do atacado distribuidor cresce 4,29% no acumulado de 2020
27/01/2021 13:17 - Preço da maçã, banana e melancia sobe forte em dezembro, aponta Conab
27/01/2021 12:40 - Mercado de beleza cresce no Brasil durante a pandemia
20/01/2021 15:19 - 76% dos brasileiros começaram a consumir em comércios locais durante a quarentena
18/01/2021 12:32 - Nova lei de rotulagem aprovada pela Anvisa impactará o mercado de alimentos e bebidas
15/01/2021 12:50 - Produção agropecuária de 2020 alcança R$ 871 bilhões
13/01/2021 15:31 - Nestlé lança mercado online em parceria com a Packk
13/01/2021 12:48 - IBGE: safra de 2021 deve superar recorde de 2020
12/01/2021 15:44 - Cresce a venda de produtos de oral care no Brasil

Veja mais >>>