Notícias do setor
Economia
Jurídico
Tecnologia
Marketing
Bebidas
Carnes / Peixes
Notícias Abras
Geral
Redes de Supermercados
Sustentabilidade
 









Você está em:
  • Notícias do setor »
  • Economia

Notícias do setor - Clipping dos principais jornais e revistas do Brasil

RSS Economia

13/01/2020 12:46 - Alimentos puxaram inflação em 2019 e sofrerão nova pressão em 2020

A inflação acelerou nos últimos dois meses do ano passado, mas terminou 2019 na meta. A taxa de 4,31% é bem próxima do objetivo do BC, que eram os 4,25%. O indicador caminhava para terminar o ano bem mais baixo, mas as carnes deram impulso ao índice de novembro em diante. Em dezembro, o IPCA ficou em 1,15%, o pior resultado do ano e o mais alto para o mês desde 2002. Para 2020, a escassez de milho deve atrapalhar.

No ano, as carnes subiram 32,4%, pelas contas do IBGE. Foi o impacto mais forte no índice e também no bolso das famílias. As exportações da carne de boi saltaram com a demanda maior da China, que foi às compras no Brasil após um surto de peste suína por lá. O professor Luiz Roberto Cunha, da PUC-Rio, explica que o preço se aproximou do pico no fim de 2019. Em janeiro, a inflação dos bovinos parou de subir. Isso ajuda o índice. Mas para o consumidor continuará caro colocar carne no prato. O preço deve cair devagar ao longo dos próximos meses.

O salto em um produto tão importante provocou um resultado curioso. Em apenas três meses, o IPCA foi do ponto mais baixo do ano para o centro da meta. Em outubro, o acumulado estava em apenas 2,54%.

Para 2020, o candidato a vilão é o milho. Os produtores de aves e porcos do Sul reclamam da escassez do cereal, que compõe quase 70% da alimentação dos animais. Em um ano, o preço da saca de 60 kg dobrou para mais de R$ 50. Essa pressão vai atingir o frango, ovos e o porco. Esses produtos têm um peso menor que a carne bovina no índice, mas a alta no custo dos alimentos sempre compromete o orçamento das famílias.

O bom trabalho do BC nos últimos anos merece destaque. A inflação baixa permitiu que, mesmo com um choque de preços forte e concentrado em poucos meses, a taxa terminasse o ano dentro da meta. A previsão é que o IPCA termine o ano em 3,60%, de acordo com o relatório Focus.             


Fonte: O Globo 

Enviar para um amigo
Envie para um amigo
[x]
Seu nome:
E-mail:
Nome do amigo:
E-mail do amigo:
Comentário
 

 

Veja mais >>>

07/07/2020 16:26 - Proposta de reforma retira benefícios tanto no IRPJ quanto no IRPF, diz Tostes
07/07/2020 16:22 - Recuperação em V está cada vez mais remota com avanço da covid-19
07/07/2020 13:17 - Comércio cresce 5% em maio na comparação com abril, diz Serasa Experian
07/07/2020 13:04 - Indicador da FGV que mede tendência de emprego mostra diminuição do pessimismo em junho
07/07/2020 12:13 - Lei que criou programa de manutenção do emprego é publicada
07/07/2020 12:02 - Indicador do Ipea mostra avanço de 28,2% nos investimentos em maio
06/07/2020 15:57 - Reforma tributária vai incluir imposto sobre dividendos, afirma Guedes
06/07/2020 13:00 - BNDES investe em fundo que apoia empresas de médio porte
06/07/2020 12:34 - Mercado passa a ver contração de mais de 8% da indústria este ano
06/07/2020 12:30 - Ipea: comércio, construção, serviços domésticos, alimentação e alojamento são setores mais afetados
06/07/2020 12:27 - Dados apontam que pior da crise ficou para trás, mas incerteza permanece alta
03/07/2020 17:48 - Indústria de transformação começa a reagir em junho
03/07/2020 15:33 - Rendimento dos brasileiros caiu a 82% da renda média em maio, diz pesquisa
03/07/2020 15:28 - Governo prorroga IOF zero para operações de crédito por mais três meses
03/07/2020 12:07 - Não há contradição em eventual ajuste para Selic ser residual em meio à inflação baixa

Veja mais >>>