(299)
Jurídico
Apresentação
Membros do Comitê
» Notícias Jurídicas
 
Você está em:

Comitês

Anvisa lança manual para rotulagem dos medicamentos do Ministério da Saúde 29/03/2012 às 13h

A Anvisa e o Ministério da Saúde divulgam, nesta quinta-feira (29/3), o Manual de Identidade Visual de Medicamentos. O novo manual traz uma padronização mais moderna, que deverá ser utilizada em todos os medicamentos com destinação institucional e dedicados ao Ministério da Saúde.


O anúncio será feito pelo diretor-presidente da Anvisa, Dirceu Barbano. Entre as novidades da nova padronização, está a valorização do nome do princípio ativo do medicamento de forma a estimular os profissionais médicos a utilizar o nome técnico dos produtos. O novo manual também dá destaque à marca do SUS e à vedação de venda do produto em todas as embalagens, blisters, ampolas, cartelas, frascos, entre outros.


Coletiva sobre padronização visual de medicamentos do Ministério da Saúde Onde: Edifício Sede da Anvisa - Bloco E - SIA Trecho 05, área especial 57 - Brasília/DF
Quando: quinta-feira, 29/3 - 15h.

Fonte: ANVISA - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (28.03.12)




Clipping Portal ABRAS


Últimas

» Convenção ABRAS 2020 começa na próxima segunda-feira 21 de Outubro 2020, às 16h
» Suspensão de prazos de processos físicos no STF é prorrogada até 19 de dezembro 21 de Outubro 2020, às 15h
» TST adotará etapa preliminar para retorno ao trabalho presencial 21 de Outubro 2020, às 15h
» AUDIÊNCIAS PRESENCIAIS SÃO RETOMADAS PARCIALMENTE NA JUSTIÇA DO TRABALHO DE SÃO PAULO 21 de Outubro 2020, às 15h
» Juízo arbitral pode reanalisar mérito de sentença judicial em cautelar pré-arbitral, inclusive quanto a honorários 21 de Outubro 2020, às 15h
» Eleições 2020: protocolo deve ser seguido no dia da votação 21 de Outubro 2020, às 15h
» Presidente da ABRAS participa da abertura da Exposuper On-line 20 de Outubro 2020, às 18h
» Governo avança para a última regulamentação pendente da Lei de Liberdade Econômica 20 de Outubro 2020, às 15h
» NJ - Justiça do Trabalho rejeita cobrança de “cota negocial” firmada em norma coletiva para empregados não sindicalizados 20 de Outubro 2020, às 15h
» Justa causa por desídia só é ilegal se demissão ocorreu por ato já punido 20 de Outubro 2020, às 15h

Ver mais »