(299)
Jurídico
Apresentação
Membros do Comitê
» Notícias Jurídicas
 
Você está em:

Comitês

Cristina Peduzzi assume a presidência do Tribunal Superior do Trabalho 20/02/2020 às 14h

"Temos que construir um novo conceito de trabalho digno", diz ministra

 

A ministra Cristina Peduzzi tomou posse como nova presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), em solenidade na tarde desta quarta-feira (19), em Brasília. O evento contou com a participação do presidente Jair Bolsonaro; do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia; do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli; além autoridades de tribunais superiores, do governo federal e do Ministério Público.

 

É a primeira vez que o TST será presidido por uma mulher desde que o tribunal foi criado no país, em 1946. Cristina Peduzzi foi eleita para assumir a presidência do TST e do Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT) em dezembro do ano passado. O mandato é de dois anos. Além dela, também tomaram posse o ministro Vieira de Mello Filho, como vice-presidente do tribunal; e o ministro Aloysio Corrêa da Veiga, que passou a ser novo corregedor-geral da Justiça do Trabalho.

 

Em entrevista a jornalistas, após tomar posse, Cristina Peduzzi disse que, entre os principais desafios, está o de garantir dignidade às novas relações de trabalho que têm sido construídas pelas transformações tecnológicas. Ela defendeu a construção de um conceito de trabalho digno que leve em conta o ambiente mediado cada vez mais pela digitalização.  

 

"Vivemos um momento de grandes transformações tecnológicas, na área da inteligência artificial, robotização, cibernética, que por um lado promovem, pelo aspecto da agilidade processual, muitas facilidades, e por outro, apresentam muitos desafios do mundo do trabalho. Este é o maior dos desafios, construir um conceito de trabalho digno nessa nossa contemporaneidade", afirmou.

 

Cristina Peduzzi também pretende valorizar o papel da Justiça do Trabalho no país. "Nós temos compromisso que eu assumi hoje, publicamente, de valorizar mais, sempre dar continuidade ao processo de valorização da Justiça do Trabalho, sempre mostrando à sociedade da importância da sua atuação, quer na prevenção, quer na solução dos conflitos do trabalho. Ressalto que, na prevenção dos conflitos, seja no plano de direito individual seja no plano de direito coletivo, evitando greves e compondo interesses, a Justiça do Trabalho desempenha um papel notoriamente essencial", acrescentou.

 

Perfil de Cristina Peduzzi

Bacharel em Direito e mestre em Direito Constitucional pela Universidade de Brasília (UnB), Cristina Peduzzi atuou como advogada nos tribunais superiores de 1975 até tomar posse no TST. Foi procuradora da República (1984), procuradora do Trabalho (1992) e professora universitária de graduação e de pós-graduação na UnB e em outras instituições de ensino superior.

 

Foi vice-presidente do TST e do CSJT no biênio 2011/2013 e conselheira do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) de 2013 a 2015. Entre 2016 e 2018, foi diretora da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados do Trabalho (Enamat).

 

Edição: Liliane Farias

 

Por Pedro Rafael Vilela - Repórter da Agência Brasil – Brasília

 

Fonte: Agência Brasil – 19/02/2020.

 

 




Clipping Portal ABRAS


 

Últimas

» Governo Federal lança Perguntas e Respostas para o setor produtivo 03 de Abril 2020, às 12h
» Rejeitadas liminares em mais quatro ADIs contra alterações trabalhistas durante pandemia 03 de Abril 2020, às 12h
» Multas por demora no atendimento em SACs são suspensas 03 de Abril 2020, às 12h
» Por Covid-19, Juiz suspende pagamento de dívida bancária de empresa 03 de Abril 2020, às 12h
» Negada prorrogação de vencimento de tributos estaduais 03 de Abril 2020, às 12h
» Regras estaduais de isolamento devem prevalecer sobre municipais, diz juíza 03 de Abril 2020, às 12h
» Receita flexibiliza recepção de documentos para serviços emergenciais disponibilizados pelo atendimento presencial 03 de Abril 2020, às 12h
» Empresas poderão prorrogar reembolso de shows e pacotes turísticos 03 de Abril 2020, às 12h
» TRF2 nega libertação de presos em grupo de risco para coronavírus 03 de Abril 2020, às 12h
» Para Quarta Turma, falta de informação sobre preço, por si só, não caracteriza propaganda enganosa 03 de Abril 2020, às 12h

Ver mais »