Notícias do setor
Economia
Jurídico
Tecnologia
Marketing
Bebidas
Carnes / Peixes
Notícias Abras
Geral
Redes de Supermercados
Sustentabilidade
 









Você está em:
  • Notícias do setor »
  • Economia

Notícias do setor - Clipping dos principais jornais e revistas do Brasil

RSS Economia

09/07/2020 15:15 - Varejo deve atenuar perdas do 2° trimestre

As vendas do varejo em maio devem ajudar a atenuar as perdas esperadas para a economia no segundo trimestre, período considerado o fundo do poço para o comércio, pêlos impactos da pandemia.
Passado o baque provocado pelas medidas de isolamento, o varejo teve crescimento recorde de 13,9% no mês ante abril, segundo a Pesquisa Mensal de Comércio do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O varejo em maio se saiu melhor do que o previsto pêlos analistas, que esperavam que as vendas tivessem subido 6% ante abril. Parte da melhora foi reforçada pelas medidas tomadas para preservação de empregos como a redução de jornada e salário e a distribuição do auxílio emergencial de R$ 600 para desempregados e informais de baixa renda.

"Ao longo de maio, as medidas de isolamento foram mais frouxas, o que acaba se refletindo no movimento do comércio. Além disso, o auxílio emergencial ajudou, por mais que a renda das famílias não tenha sido totalmente recomposta. O varejo pôde sofrer menos", avalia o economista sénior da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), Fábio Bentes.

Segundo ele, a queda do PIB do País no segundo trimestre deve ser atenuada em dois pontos percentuais, indo de uma expectativa de queda de 10% para retração de 8%.

CONSUMO VOLTOU


"A transferência de renda parece ter garantido a normalização de alguns componentes do varejo, as pessoas voltaram a consumir", afirma o economista-chefe do banco de investimento Haitong, Flávio Serrano.
Todas as atividades cresceram, com destaque para tecidos e vestuário (100,6%) emóveis e eletrodomésticos (47,5%) bens duráveis tidos como termómetro da confiança do consumidor.

PRÉ-PANDEMIA

O desempenho foi insuficiente para reverter as perdas históricas acumuladas em março e abril, quando a crise começou. O varejo ainda está 7,3% abaixo do patamar pré-pandemia, em fevereiro.
Quando se olha para o varejo ampliado, que inclui veículos e material de construção, o recuo é de 15,4% em relação ao nível pré-pandemia, já considerando o avanço de 19,6% nas vendas em maio. 


Fonte: A Tribuna  

Enviar para um amigo
Envie para um amigo
[x]
Seu nome:
E-mail:
Nome do amigo:
E-mail do amigo:
Comentário
 

 

Veja mais >>>

14/08/2020 15:50 - Maioria dos beneficiários usa auxílio emergencial para comprar comida, diz Datafolha
14/08/2020 15:48 - Confiança cresce entre os empresários, mas cai entre consumidores, aponta prévia da FGV
14/08/2020 13:09 - Atividade econômica recua 10,94% no segundo trimestre
14/08/2020 13:07 - IGP-10 tem inflação de 2,53% em agosto, diz FGV
14/08/2020 13:03 - BC: atividade econômica mostra sinais de recuperação parcial
13/08/2020 16:02 - Para IBGE, varejo voltou ao patamar pré-pandemia
13/08/2020 16:00 - Gasolina, diesel e gás de cozinha sobem juntos a partir desta quinta-feira
13/08/2020 15:58 - Comércio varejista de Pernambuco tem alta de 10,3% entre maio e junho, aponta IBGE
13/08/2020 15:35 - Produção de alimentos sobe 2,7% no primeiro semestre
13/08/2020 15:29 - Indústria cresce 65,7% em junho, mas acumula retração de 19,6%
13/08/2020 13:35 - Setor de serviços cresce 5% de maio para junho, diz IBGE
13/08/2020 13:32 - Auxílio emergencial injetou R$ 151 bilhões no comércio paulista
13/08/2020 13:30 - Cerca de 50% dos trabalhadores pretendem pagar dívidas com FGTS
12/08/2020 14:55 - Empresário industrial retoma confiança em agosto, diz levantamento da CNI
12/08/2020 13:43 - Indústria de alimentos e bebidas cresce 0,8% no primeiro semestre

Veja mais >>>