Notícias do setor
Economia
Jurídico
Tecnologia
Marketing
Bebidas
Carnes / Peixes
Notícias Abras
Geral
Redes de Supermercados
Sustentabilidade
 











Você está em:
  • Notícias do setor »
  • Economia

Notícias do setor - Clipping dos principais jornais e revistas do Brasil

RSS Economia

20/09/2019 10:52 - Governo estuda desindexar salário mínimo, diz Colnago

O secretário especial adjunto de Fazenda, Esteves Colnago, afirmou nesta quinta-feira que o governo estuda desindexação do salário mínimo em meio à necessidade de redução de despesas obrigatórias, mas ressaltou que não há decisão tomada sobre o assunto.

 

“Chegou o momento de a gente olhar o teto (de gastos) para aquilo que ele foi feito. Para que que o teto foi feito? Para você revisar despesas obrigatórias”, afirmou ele a jornalistas, após participar de abertura de seminário sobre energia.

 

“Isso tudo está em discussão: congelamento de progressão de servidor público, congelamento de salário (mínimo), revisão de indexação, isso tudo está (sendo) olhado”, acrescentou.

 

Colnago frisou que eventual desindexação do salário mínimo demanda a aprovação de uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) pelo Congresso.

 

E complementou que a equipe econômica ainda não sabe se enviará ou não uma PEC nova aos parlamentares, ou mesmo se irá apoiar a inclusão do assunto na PEC 438 — que regulamenta a regra de ouro com a implementação de medidas de ajuste nas contas públicas em caso de descumprimento da norma.

 

“O instrumento para se fazer isso é uma PEC. Vai ser mandada uma PEC? Não sei. Vai ser do (deputado) Pedro Paulo, não sei”, afirmou ele, em referência ao autor da PEC 438.

 

Hoje, a Constituição determina que o salário mínimo deve ser atualizado pela inflação, para que não haja perda do poder de compra. Nos últimos anos, o governo adotou fórmula de cálculo que implicava aumento real no salário mínimo atrelado ao crescimento da economia.

 

Para o projeto de lei Orçamento de 2020, contudo, a equipe econômica considerou apenas a reposição pela inflação medida pelo INPC. Nas contas do governo, cada 1 real de aumento no salário mínimo desencadeia necessidade adicional de cerca de 300 milhões de reais em gastos da União.

 

DESBLOQUEIO NO ORÇAMENTO

 

Nesta quinta, Colnago também apontou que o descontingenciamento nas despesas obrigatórias deverá ficar entre 12 bilhões e 13 bilhões de reais em relatório de receitas e despesas que deverá ser divulgado na sexta-feira.

 

Fonte: Reuters

Enviar para um amigo
Envie para um amigo
[x]
Seu nome:
E-mail:
Nome do amigo:
E-mail do amigo:
Comentário
 

 

Veja mais >>>

01/06/2020 16:00 - FGV: confiança empresarial sobe 9,8 pontos em maio ante abril, para 65,5 pontos
01/06/2020 15:58 - Caixa credita auxílio emergencial em contas dos beneficiários
01/06/2020 15:53 - Analistas do mercado estimam tombo de 6,25% para o PIB em 2020
01/06/2020 15:47 - Os sinais da desconfiança do capital externo
01/06/2020 15:28 - Cesta básica custa R$ 90 a mais do que no ano passado
29/05/2020 16:05 - Com pandemia, PIB do Brasil encolhe 1,5% no 1º trimestre e regride ao patamar de 2012
29/05/2020 15:53 - Faturamento caiu em mais de 80% das indústrias nos últimos 45 dias
29/05/2020 15:51 - Taxa Selic e os indícios de novos cortes
29/05/2020 15:44 - Crise maior para informais
29/05/2020 15:00 - Câmara aprova MP que altera regras trabalhistas durante pandemia
29/05/2020 14:53 - Quase 9,5 mil vagas perdidas na pandemia
28/05/2020 17:48 - Com faturamento de R$ 273,5 bilhões, atacado distribuidor cresce 4,5% em 2019
28/05/2020 15:27 - Confiança dos serviços sobe em maio após mínima histórica
28/05/2020 15:22 - Caixa credita nesta quinta benefício a mais 2,5 milhões de trabalhadores
28/05/2020 15:17 - Sem acordo, votação da MP 936 é adiada para hoje

Veja mais >>>