Notícias do setor
Economia
Jurídico
Tecnologia
Marketing
Bebidas
Carnes / Peixes
Notícias Abras
Geral
Redes de Supermercados
Sustentabilidade
 
Você está em:
  • Notícias do setor »
  • Economia

Notícias do setor - Clipping dos principais jornais e revistas do Brasil

RSS Economia

21/08/2019 11:12 - Expectativa dos consumidores para a inflação anual recua para 5,1% em agosto, aponta FGV

A expectativa dos consumidores brasileiros para a inflação nos 12 meses seguintes recuou 0,2 ponto percentual, de 5,3% em julho para 5,1% em agosto, segundo pesquisa mensal divulgada nesta quarta-feira (21) pela FGV.

 

“A trajetória favorável da inflação observada nos últimos meses continuou a influenciar positivamente a expectativa dos consumidores em todas as faixas de renda. Contudo, a elevação do preço da energia elétrica em julho e agosto e a diminuição do ritmo de queda dos preços de alimentos podem ter se colocado como obstáculo para uma redução maior das expectativas, principalmente na primeira faixa de renda, que apresentou alta”, afirma Renata de Mello Franco, economista da FGV IBRE.

 

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), considerado a inflação oficial do país, recuou em julho para 3,22% em 12 meses, ante os 3,37% registrados em junho, permanecendo bem abaixo da meta de 4,25% definida pelo governo para o ano.

 

Os analistas do mercado financeiro baixaram a estimativa de inflação para este ano de 3,76% para 3,71%, segundo o último boletim Focus do Banco Central.

 

A parcela dos consumidores ouvidos pela FGV que projetam valores acima da meta de inflação para 2019 (de 4,25%) aumentou de 37,7% em julho para 43,4% em agosto, a maior nos últimos seis meses. Enquanto isso, a proporção de consumidores projetando valores dentro dos limites superior e inferior da meta de inflação para 2019 (entre 2,75% e 5,75%) variou 0,2 ponto percentual (p.p.), para 57,8%.

 

Na análise por faixas de renda, a maior queda em agosto nas expectativas para a inflação ocorreu entre as famílias com renda familiar mensal acima de R$ 9.600,00, cuja taxa mediana diminuiu 0,4 p.p., para 4,1%. Somente para os consumidores de renda até R$ 2.100 houve alta no valor, de 0,1 p.p., para 6%.

 

Fonte: G1 - Economia

 

Enviar para um amigo
Envie para um amigo
[x]
Seu nome:
E-mail:
Nome do amigo:
E-mail do amigo:
Comentário
 

 

Veja mais >>>

19/02/2020 15:44 - Apesar do 2019 decepcionante, confiança na indústria está com tudo
19/02/2020 15:43 - Economia brasileira continua a se recuperar mesmo com incerteza no cenário externo, diz BC
19/02/2020 15:41 - Desempenho das pequenas indústrias melhora
19/02/2020 11:51 - Vendas da indústria de alimentos crescem 2,3% em 2019
18/02/2020 11:28 - Economia brasileira cresceu 1,2% em 2019, aponta monitor do PIB da FGV
18/02/2020 11:15 - Reforma tributária: alíquotas podem subir até 600%, alertam empresários
18/02/2020 11:12 - ICMS menor para produtos do atacado deve beneficiar também setor varejista
18/02/2020 11:08 - Empresários de comércio e serviços protestam contra PECs 45 e 110
18/02/2020 11:05 - Conjuntura: economia brasileira tentar seguir no ritmo do dólar
17/02/2020 12:28 - Analistas do mercado baixam estimativa de inflação para 2020 e veem alta menor do PIB

Veja mais >>>