(418)
Última edição
Última Edição
Matéria de Capa
Ponto de Vista
Destaque
Dicionário do Setor
Internacional
 
Você está em:

SuperHiper

Artigo: E daqui a cinco anos? 12/12/2017 15:19:03

*Antonio Carlos Ascar


Pesquisando em diversos sites especializados em comércio varejista, como normalmente faço, encontro informações sobre tendências do varejo, novidades, quem comprou quem, o que vai bem, entre tantas outras notícias importantes e interessantes para varejistas e para articulistas como eu.


Nesta semana, me deparei com uma projeção para cinco anos, de cinco grandes vendedores varejistas. Um especialista em hipermercados, e também, o maior varejista do mundo, o Walmart; e um atacadista em autosserviço, na verdade um clube atacadista, e o maior deles que é o Costco; a maior rede de lojas de vizinhança e de conveniência do mundo que é a japonesa Seven & I, e os dois maiores vendedores varejistas pela internet: a Amazon e o poderoso chinês Alibaba. É um time de muito respeito.


Todos vêm crescendo em vendas ano a ano. Mas como será daqui para frente?
Quais deles serão os que mais impactarão o comércio?
Quais deles terão os maiores crescimentos nos próximos cinco anos?
O gráfico abaixo mostra o passado e as tendências para 2021.



Transformando o gráfico em números, veja como crescerão esses gigantes do varejo:


É claro que todos os números de 2021 são só projeções de mercado, mas é assustador para o chamado varejo "brick-and-mortar" (loja física).
O termo em inglês, se refere às empresas que operam precisando de uma presença física, e oferecem uma experiência face a face com o consumidor.
Assim, este varejo se contrapõe ao e-commerce que é o que mais promete em crescimento.
Não é à toa que um grande número de varejistas pelo mundo já esta vendendo também pela internet. E saiba que os do e-commerce começam também a ter suas experiências com lojas conceito de varejo.
Mas assusta essa pequena previsão de crescimento do Walmart de 16,4%, enquanto o site Alibaba pode chegar a crescer 174,3%.



*Antonio Carlos Ascar é estudioso das tendências mundiais do varejo de autosserviço. Graduado e pós-graduado em Administração de Empresas pela FGV (SP), e especialização em Empreendedorismo pela Babson College de Boston (EUA). É autor do livro Glossário Ascar de Termos Supermercadistas e do livro Distribuindo as Camisas, (foto ao lado - à venda no site www.mercadolivre.com.br). Por 31 anos foi diretor executivo do Grupo Pão de Açúcar, implantou diversos formatos de loja como: Extra, Minibox, Superbox, Peg Faça, Express, entre outros. Atualmente é consultor e sócio diretor da Ascar & Associados, empresa de consultoria que atua na prestação de serviços a redes supermercadistas. Ascar é também palestrante internacional, consultor de varejo da Abras e articulista da revista SuperHiper, publicação Abras. www.ascarassociados.com.br



 

Últimas

» What's Up? Benchmarking: Northgate Market 09 de Abril 2018, 08h46
» Artigo: Este é o futuro? 29 de Março 2018, 20h33
» What's Up? Benchmarking: Participações nas vendas no varejo norte-americano 08 de Março 2018, 17h45
» What's Up? Benchmarking: Maiores varejistas do mundo 31 de Janeiro 2018, 15h45
» What's Up? Benchmarking: Áustria, essa desconhecida 08 de Janeiro 2018, 17h31
» Artigo: E daqui a cinco anos? 12 de Dezembro 2017, 15h19
» What's Up? Benchmarking: Ranking das dez maiores em h.d. 12 de Dezembro 2017, 10h27
» What's Up? Benchmarking: Formatos de loja que mais cresceram nos Estados Unidos 09 de Novembro 2017, 16h27
» Artigo: O que mais falta ser inventado? 10 de Outubro 2017, 11h16
» What's Up? Benchmarking - Os top 10, quinze anos depois 05 de Outubro 2017, 12h09

Ver mais »