Notícias do setor
Economia
Jurídico
Tecnologia
Marketing
Bebidas
Carnes / Peixes
Notícias Abras
Geral
Redes de Supermercados
Sustentabilidade
 
Você está em:
  • Notícias do setor »
  • Economia

Notícias do setor - Clipping dos principais jornais e revistas do Brasil

RSS Economia

06/11/2019 12:53 - Expansão do setor de serviços do Brasil perde força em outubro, diz PMI

O ritmo de crescimento do setor de serviços do Brasil perdeu força em outubro diante de uma desaceleração na produção, embora a entrada de novos trabalhos tenha alimentado as contratações, de acordo com a pesquisa Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês) divulgada nesta terça-feira.

 

Segundo o IHS Markit, o PMI de serviços brasileiro foi a 51,2 em outubro, de 51,8 em setembro. O setor mostrou crescimento da produção pelo quarto mês seguido, já que números acima de 50 indicam crescimento, mas o ritmo foi o mais lento nesse período. 

As empresas que citaram expansão falaram em fortalecimento das condições da demanda. As novas encomendas aumentaram pelo quarto mês seguido, no ritmo mais forte desde março.

 

A categoria de Finanças e Seguros liderou o aumento nas vendas, mas houve declínios em Transporte e Armazenamento e em Serviços Imobiliários e Empresariais. 

Houve ainda alguma contribuição dos mercados externos, com as novas encomendas para exportação subindo apenas pela segunda vez no ano. As evidências segundo a pesquisa são de um nível de turismo maior e maior demanda internacional pelos serviços brasileiros.

 

As vendas encorajaram as contratações entre os fornecedores de serviços em outubro, em alta pelo terceiro mês seguido. O crescimento do emprego bateu uma máxima em mais de quatro anos e meio.

 

Também ajudou nas contratações de funcionários a melhora na confiança, com os empresários esperando para os próximos 12 meses aprovação de reformas públicas, condições econômicas favoráveis, investimentos, parcerias e demanda melhor.

 

“As empresas comemoraram a aprovação da reforma previdenciária que, junto com as expectativas de reforma tributária, levou a uma revisão para cima das projeções de crescimento”, destacou a economista do IHS Markit Pollyanna De Lima.

 

Por outro lado, a inflação de insumos aumentou em outubro à taxa mais forte desde maio, com as empresas citando preços mais altos de energia, combustível, petróleo e trabalhistas.

 

Com isso, as empresas elevaram seus preços, que chegaram ao patamar mais alto em quase quatro anos. Os maiores aumentos foram verificados em Transporte e Armazenamento e em Informação e Comunicação. 

A indústria brasileira também mostrou um ritmo mais lento de crescimento em outubro, e o PMI Composto do Brasil recuou a 51,8 em outubro, de 52,5 em setembro.

 

Fonte: Reuters

 

 

 

 

Enviar para um amigo
Envie para um amigo
[x]
Seu nome:
E-mail:
Nome do amigo:
E-mail do amigo:
Comentário
 

 

Veja mais >>>

19/11/2019 12:38 - Feriados devem causar perda de R$ 11,8 bilhões ao varejo em 2020
19/11/2019 12:33 - 4,8 milhões de desempregados buscam trabalho há pelo menos 1 ano
19/11/2019 12:31 - Desemprego fica estável no RJ, mas ainda atinge cerca de 1,3 milhão de pessoas, diz IBGE
19/11/2019 12:30 - ANTT republica tabela de frete e inclui pedágio no cálculo do preço mínimo do transporte
19/11/2019 12:10 - SP é único estado com queda do desemprego no 3º trimestre, diz IBGE
19/11/2019 12:09 - Mais de três milhões buscam emprego há mais de 2 anos, diz IBGE
19/11/2019 12:08 - Com Selic em queda, poupança pode passar a render menos que a inflação
19/11/2019 12:06 - Lei da Liberdade econômica deve ser aplicada, diz presidente do Sebrae
19/11/2019 12:05 - Mercado passa a ver Selic a 4,25% em 2020
19/11/2019 12:04 - IGP-M passa a cair 0,01% na 2ª prévia de novembro, diz FGV

Veja mais >>>