Notícias do setor
Economia
Jurídico
Tecnologia
Marketing
Bebidas
Carnes / Peixes
Notícias Abras
Geral
Redes de Supermercados
Sustentabilidade
 
Você está em:
  • Notícias do setor »
  • Economia

Notícias do setor - Clipping dos principais jornais e revistas do Brasil

RSS Economia

08/10/2018 11:38 - Inflação para renda baixa acelera

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) aumentou 0,30% em setembro, informou na última sexta-feira (05) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Tarifas de energia podem impactar próximos resultados.

 

O índice do mês passado foi o maior para setembro desde 2015, quando o INPC registrou 0,51%. Contudo, foi inferior ao resultado do IPCA geral, que subiu 0,48% no período (atingindo 3,34% no ano e 4,53% em 12 meses).

 

O INPC abrange o consumo das famílias com renda entre um e cinco salários mínimos mensais. Como resultado, o indicador totalizou uma elevação de 3,14% no ano e de 3,97% no acumulado em 12 meses. Em setembro de 2017, o INPC tinha apresentado deflação de 0,02%.

 

Segundo o gerente de pesquisa do IBGE, Fernando Gonçalves, o avanço do índice foi puxado principalmente pelo preço dos combustíveis. “O componente foi impactado pelo preço do petróleo, que vêm subindo no mercado internacional, e também pela valorização do dólar”, explica.

 

O especialista ainda destaca a influência dos alimentos no resultado do mês. “A cesta de consumo das famílias com rendimento menor tem grande peso no INPC”, diz ao DCI. Segundo o IBGE, os produtos alimentícios tiveram alta de 0,05% em setembro enquanto, no mês anterior, registraram queda de 0,44%.

 

Indicador da FGV

 

O Índice de Preços ao Consumidor - Classe 1 (IPC-C1), usado para mensurar o impacto da movimentação de preços entre famílias com renda mensal entre um e 2,5 salários mínimos, também apresentou avanço no mês passado.

 

Divulgado pela Fundação Getulio Vargas ainda na sexta-feira, o IPC-C1 subiu 0,20% no mês, após alta de 0,04% registrada em agosto. Com o resultado, o índice acumula alta de 3,55% no ano e avanço de 4,17% em 12 meses.

 

Quatro dos oito componentes do índice apresentaram alta: Alimentação (-0,40% para 0,10%), Vestuário (-0,45% para 0,62%), Transportes (0,07% para 0,35%) e Comunicação (-0,10% para 0,08%).

 

Fonte: DCI

 

Enviar para um amigo
Envie para um amigo
[x]
Seu nome:
E-mail:
Nome do amigo:
E-mail do amigo:
Comentário
 

 

Veja mais >>>

23/08/2019 11:50 - Informalidade do mercado de trabalho limita avanço da produtividade no Brasil
23/08/2019 11:49 - Produção da indústria sobe 9,6 pontos, acima da média histórica
23/08/2019 11:49 - Arrecadação chega a R$ 137,7 bi em julho, melhor resultado desde 2011
23/08/2019 11:48 - Entenda as principais mudanças da MP da Liberdade Econômica
23/08/2019 11:47 - Ministério da Economia reduz gastos para garantir serviços essenciais
23/08/2019 11:45 - Confiança do Comércio cresce 3,2 pontos em agosto
22/08/2019 11:24 - Black Friday do Brasil já tem mais de 300 empresas participantes
22/08/2019 11:23 - Confiança do consumidor sobe, mas ainda há cautela para gastar
22/08/2019 11:22 - Prévia da inflação fica em 0,08% em agosto, aponta IBGE
22/08/2019 11:21 - Expectativa dos consumidores para inflação anual cai em agosto

Veja mais >>>