Notícias do setor
Economia
Jurídico
Tecnologia
Marketing
Bebidas
Carnes / Peixes
Notícias Abras
Geral
Redes de Supermercados
Sustentabilidade
 
Você está em:
  • Notícias do setor »
  • Economia

Notícias do setor - Clipping dos principais jornais e revistas do Brasil

RSS Economia

03/10/2018 11:04 - Comércio recua em setembro sem datas comemorativas

Na capital paulista, as vendas à vista e a prazo caíram 16,7% e 1,6%, respectivamente, na comparação entre setembro e agosto, segundo o Balanço de Vendas da Associação Comercial de São Paulo (ACSP), divulgado ontem (2).

 

A falta de datas comemorativas pesou para o recuo do comércio no mês passado, segundo Marcel Solimeo, economista-chefe da ACSP. “Essa comparação é difícil, porque agosto tem o Dia dos Pais. Além disso, setembro é um mês mais curto, com menos dias úteis”, afirmou ele.

 

Entretanto, o entrevistado ressaltou que a recuperação das vendas continua lenta em São Paulo. “Esse clima eleitoral torna as pessoas um pouco mais cautelosas, afetando a confiança do consumidor”, disse Solimeo.

 

Na comparação com o nono mês do ano passado, as vendas à vista recuaram 3%, enquanto a modalidade a prazo marcou um avanço de 1,3%.

 

Entre janeiro e setembro, as operações à vista caíram 1,8% e as vendas a prazo subiram 6,5%, no confronto com igual período do ano passado. Assim, a média entre as duas categorias mostra que houve um avanço de 2,4% em 2018.

 

Sobre a expansão da modalidade a prazo, Solimeo disse que a fraqueza da base de comparação colaborou para o crescimento da operação.

 

Para o fechamento de 2018, a ACSP projeta um aumento entre 3% e 3,5% para as vendas. “Seria um resultado importante, mas ainda deixaria [o comércio] em um patamar muito distante daquele que foi atingido antes da crise econômica”, afirmou Solimeo.

 

Segundo ele, as vendas devem ganhar força nos próximos meses, com o Dia das Crianças, a Black Friday e o Natal. “Além disso, o fim do processo eleitoral deve deixar mais claro qual será a condução econômica nos próximos anos, trazendo mais confiança”, acrescentou o especialista.

 

Trabalho

 

Solimeo destacou que a geração de vagas de emprego deve ganhar força no último trimestre deste ano, com um aumento da contratação de funcionários temporários.

 

A Associação Brasileira do Trabalho Temporário (Assertem) informou, ontem, que é esperada, para o quarto trimestre, a geração de 292.240 postos desse tipo em São Paulo. As vagas devem ser abertas principalmente nos setores de indústria e comércio. Em nota, a Assertem afirmou que os ramos farmacêutico e alimentício devem concentrar boa parte das vagas no período.

 

Também no comunicado, a associação indicou que até 40% dos postos temporários podem ser transformados em vagas fixas após o período do contrato inicial.

 

Futuro

 

Ao avaliar a situação dos diferentes segmentos comerciais, Solimeo disse que dois dos ramos que passam maior dificuldade são os de confecção e calçados, vistos como menos necessários. “As compras de vestuário não são tão fundamentais para as famílias, podem ser atrasadas em um período de recessão.”

 

Entretanto, ele apostou em uma melhora econômica – e, consequentemente, dos segmentos comerciais – nos próximos anos, após o período de turbulência que acompanha a eleição presidencial.

 

“A incerteza política precisa acabar. Quando houver maior clareza sobre as medidas econômicas que serão tomadas, os empresários voltarão a investir em todo o País”, afirmou o especialista.

 

Fonte: DCI

Enviar para um amigo
Envie para um amigo
[x]
Seu nome:
E-mail:
Nome do amigo:
E-mail do amigo:
Comentário
 

 

Veja mais >>>

14/11/2018 11:58 - Receita do varejo brasileiro tem alta de 3,2% em outubro, mostra índice da Cielo
14/11/2018 11:52 - Maior do que média do País, desemprego no 3º tri em SP fica em 13,1%, diz IBGE
14/11/2018 11:48 - Economistas melhoram novamente projeção para déficit primário em 2018 e 2019
14/11/2018 11:45 - IGP-10 recua 0,16% em novembro e tem primeira queda em pouco mais de 1 ano, diz FGV
13/11/2018 11:54 - Black friday: 97% das pessoas já compararam os valores dos produtos em oferta com outras datas
13/11/2018 11:52 - Vendas no varejo do Brasil recuam 1,3% em setembro, diz IBGE
13/11/2018 11:52 - Mercado volta a reduzir previsão para inflação
13/11/2018 10:07 - Queda do consumo faz população diminuir compra de itens básicos
13/11/2018 08:50 - Faturamento do setor atacadista e distribuidor cresce 2,17% em setembro
12/11/2018 11:42 - Famílias voltam para crise e trocam marcas para economizar

Veja mais >>>