Notícias do setor
Economia
Jurídico
Tecnologia
Marketing
Bebidas
Carnes / Peixes
Notícias Abras
Geral
Redes de Supermercados
Sustentabilidade
 
Você está em:
  • Notícias do setor »
  • Economia

Notícias do setor - Clipping dos principais jornais e revistas do Brasil

RSS Economia

09/03/2017 12:58 - Produção do Brasil registra aumento de 1,4% em janeiro


 
Apesar da alta, IBGE apurou recuo de 0,1% frente a dezembro


 
Rio de Janeiro - A produção industrial do Brasil começou 2017 com alta mensal em relação aos mesmos dias do ano anterior, após 34 meses consecutivos de queda. Os dados foram divulgados ontem pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), e mostram que a produção cresceu 1,4% em janeiro de 2017 em relação a janeiro de 2016, mas caiu 0,1% em relação a dezembro de 2016.
 
Em 12 meses, a produção industrial acumula uma retração de 5,4%, variação negativa que vem perdendo intensidade desde junho de 2016, quando chegou a -9,7%.
 
Nos últimos dois meses de 2016, a produção havia acumulado alta de 2,9%. O resultado fez com que a média móvel trimestral de outubro, novembro e dezembro de 2016 apontasse expansão de 0,5% da produção. Com os dados divulgados ontem, a média dos resultados de novembro e dezembro de 2016 e janeiro de 2017 subiu para 0,9%.
 
Ramos - Dos 24 ramos industriais pesquisados pelo IBGE, metade aumentou a produção, e metade diminuiu. A indústria de veículos automotores, reboques e carrocerias interrompeu dois meses seguidos de alta e caiu 10,7% em janeiro, na comparação com dezembro de 2016. Também haviam crescido em dezembro e caíram em janeiro os equipamentos de informática, produtos eletrônicos e ópticos, com recuo de 12,5%, e máquinas e equipamentos, com uma produção 4,9% menor.
 
Por outro lado, o IBGE considera que houve altas importantes para a taxa global na indústria de coque, produtos derivados do petróleo e biocombustíveis, com expansão de 4%, e nos produtos farmoquímicos e farmacêuticos (21,6%). Os dois setores anotaram quedas nos meses anteriores.
 
Os produtos alimentícios tiveram alta de 1,2%, as bebidas subiram 5,5% e a indústria extrativa, 1,1%.
 
Categorias econômicas - A análise da produção por categoria econômica mostra que os bens de capital usados na produção voltaram a cair após dois meses de alta. Em relação a dezembro de 2016, houve recuo de 4,1%.
 
Os bens de consumo duráveis intensificaram a queda de 3,8% verificada em dezembro e caíram 7,3% em janeiro. Os bens de consumo semi e não duráveis avançaram 3,1% em janeiro, e os intermediários, 0,7%. Ambos já acumulavam expansões há pelo menos dois meses. (ABr)
 
Fonte: Diário do Comércio de Minas

Enviar para um amigo
Envie para um amigo
[x]
Seu nome:
E-mail:
Nome do amigo:
E-mail do amigo:
Comentário
 

 

Veja mais >>>

26/04/2017 12:44 - Dólar sobe e atinge R$ 3,18 com plano fiscal dos EUA e reformas de Temer no radar
26/04/2017 12:39 - Taxa de juros do cartão de crédito volta a subir em março
25/04/2017 12:44 - Reforma trabalhista: texto que altera mais de 100 artigos será lido hoje
25/04/2017 12:42 - Consumidores esperam inflação de 7,5% em 12 meses a partir de abril
25/04/2017 12:32 - IPC-S cai em todas as 7 capitais analisadas pela FGV na 3ª quadrissemana de abril
25/04/2017 12:29 - Dólar sobe 1% e chega a R$3,16 com temores sobre Previdência
25/04/2017 12:26 - Custo das frutas segue variado, mas maçã tem queda de preços nas Ceasas
25/04/2017 12:03 - 50% das lojas têm estoque inadequado
25/04/2017 11:58 - Demanda do consumidor por crédito aumenta 2,2% em março, diz Boa Vista
25/04/2017 11:56 - Inverno deve incrementar em 6% vendas do varejo gaúcho

Veja mais >>>