Notícias do setor
Economia
Jurídico
Tecnologia
Marketing
Bebidas
Carnes / Peixes
Notícias Abras
Geral
Redes de Supermercados
Sustentabilidade
 
Você está em:
  • Notícias do setor »
  • Carnes / Peixes

Notícias do setor - Clipping dos principais jornais e revistas do Brasil

RSS Carnes / Peixes

14/03/2017 11:20 - Procon divulga pesquisa de preços de peixes

 

A Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor - Procon divulgou, nesta semana, a pesquisa de preços de peixes realizada, ontem. Foram pesquisados 14 tipos de peixes comercializados em 10 estabelecimentos da cidade. Na pesquisa foram apresentados os preços de filé de surubim, filé de tilápia, filé de merluza, piramutaba a posta, salmão, filé de salmão, sardinha, tilápia, surubim a posta, dourada, cação posta, bacalhau desfiado, bacalhau porto e bacalhau saithe.

 

 

O Procon destaca na pesquisa quando os preços são referentes à quantidade de 1kg, ou 800g, ou 500g. Na pesquisa também podem ser encontrados os preços de cada produto, em cada estabelecimento pesquisado. Vale lembrar que a Fundação não se responsabiliza pela qualidade nem procedência dos produtos pesquisados ou por eventuais alterações nos preços. Dentre os produtos pesquisados, o filé de surubim, apresentou um preço médio de R$ 34,30, tendo uma variação de 60,64% entre os preços máximo e mínimo pesquisados. O preço médio encontrado para o filé tilápia foi de R$ 29,35, apresentando uma variação de 44,50% entre o preço máximo e mínimo. O filé de merluza está com um preço médio de R$ 17,98, com uma variação de 167,72% nos preços entre o máximo e mínimo. O piramutaba a posta, o preço médio encontrado foi de R$ 13,32, apresentando uma variação de 45,54% nos preços entre o máximo e mínimo.

 

 

O salmão apresentou um preço médio de R$ 41,55, com uma variação de 93,31% nos preços entre o máximo e mínimo. O filé de salmão está com o preço médio de R$ 61,59, apresentando uma variação de 129,23% nos preços entre o máximo e mínimo. A sardinha, o preço médio encontrado foi de R$ 12,11, apresentando uma variação de 113,90% entre os preços máximo e mínimo. A Tilápia, o preço médio encontrado foi de R$ 16,29, apresentando uma variação de 191,91% nos preços entre o máximo e mínimo. O surubim, a posta está com o preço médio de R$ 27,78, apresentando uma variação de 75,88% nos preços entre o máximo e mínimo. O dourado, apresentou o preço médio de R$ 19,57, com uma variação de 57,23% nos preços entre o máximo e mínimo. O cação posta, o preço médio encontrado foi de R$ 16,98, apresentando uma variação de 84,87% nos preços entre o máximo e mínimo.

 

 

O bacalhau desfiado, apresentou um preço médio de R$ 30,63, apresentando uma variação de 132,70% nos preços entre o máximo e mínimo. O bacalhau do porto, o preço médio encontrado foi de R$ 73,19, apresentando uma variação de 69,05% nos preços entre o máximo e mínimo. E o bacalhau saithe, teve o preço médio de R$ 47,80, apresentando uma variação de 100,56% nos preços entre o máximo e mínimo.

 

 

 

Fonte: Jornal de Uberaba

Enviar para um amigo
Envie para um amigo
[x]
Seu nome:
E-mail:
Nome do amigo:
E-mail do amigo:
Comentário
 

 

Veja mais >>>

17/11/2017 11:47 - Suínos: Demanda aquecida impulsiona cotações no sudeste do país
07/11/2017 11:11 - Demanda firme deve valorizar arroba mesmo com oferta elevada de bovinos
06/11/2017 11:26 - Suspensão de carne brasileira pela Rússia não é grave, diz Blairo
03/11/2017 11:04 - Suínos: Cotações do vivo fecham outubro estáveis
03/11/2017 11:02 - Frango: Demanda interna aquecida e insumos em alta elevam preço
26/10/2017 10:28 - Confinamento deve crescer 8% em 2018 no PR
24/10/2017 11:19 - Aurora anuncia aumento de 10% no abate diário de suínos até fim do ano
24/10/2017 11:17 - JBS retoma atividades em unidades de carne bovina no MS
23/10/2017 11:13 - Frimesa projeta faturamento de R$ 2,9 bilhões
19/10/2017 11:04 - Mercado faz ajustes após a crise na JBS

Veja mais >>>