Notícias do setor
Economia
Jurídico
Tecnologia
Marketing
Bebidas
Carnes / Peixes
Notícias Abras
Geral
Redes de Supermercados
Sustentabilidade
 
Você está em:
  • Notícias do setor »
  • Geral

Notícias do setor - Clipping dos principais jornais e revistas do Brasil

RSS Geral

14/12/2018 23:14 - Grãos: Tabela do frete trava venda antecipada

A lei que impõe preços mínimos de frete para caminhões no Brasil, adotada após a greve dos caminhoneiros em maio, está atrasando as vendas da nova safra de soja, além de adicionar custos aos agricultores, disse ontem o presidente da Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove), André Nassar.


Segundo ele, a imposição de preços mínimos de frete a taxas mais altas é motivo de preocupação, ainda mais diante de um impasse sobre a constitucionalidade da lei, disse ele.


 


Efetivamente, após um forte ritmo de vendas registrado anteriormente, os negócios antecipados estão mais baixos do que o registrado nesta época nos últimos anos. Dados da consultoria Datagro desta semana apontaram que os agricultores já venderam 30,3% da safra, ante 31,6% da média para o período.


“As empresas só vão comprar a soja quando tiverem clareza sobre o frete. Precisa haver clareza no órgão regulador e no Supremo [Tribunal Federal]”, disse Nassar, em referência a um processo no STF, movido por empresas, que questiona a constitucionalidade da lei.


 


Na noite de quarta-feira (12), o ministro Luiz Fux, do STF, revogou uma liminar sobre o assunto, o que na prática retoma a validade da cobrança de multa para quem desrespeitar a tabela que instituiu preços mínimos do frete. Isso ocorreu após alguns bloqueios na Rodovia Presidente Dutra no início desta semana e ameaças de novos protestos por caminhoneiros. Na semana passada, o próprio Fux havia concedido a liminar.


“Tem empresa combinando com o produtor para entregar CIF (custos e frete incluso), pois FOB não dá, por causa da incerteza sobre as regras do preço do frete.”


 


De acordo com a Abiove, se as empresas arcarem com essa tabela, teriam custos adicionais de R$ 5 bilhões. A questão assusta o setor no Brasil, maior exportador global de soja, que está próximo de começar a colheita de uma safra recorde de mais de 120 milhões de toneladas da oleaginosa.


A Abiove argumenta ainda que a tabela utiliza metodologia falha, que não se aplica à realidade do transporte rodoviário de cargas. “Não há clareza sobre como aplicar a tabela de preços mínimos para cargas a granel que utilizem veículos diferentes de cinco eixos”, afirmou a Abiove.


 


 


Fonte: DCI

Enviar para um amigo
Envie para um amigo
[x]
Seu nome:
E-mail:
Nome do amigo:
E-mail do amigo:
Comentário
 

 

Veja mais >>>

14/06/2019 11:20 - Produção de ovos de galinha cresce 6% no primeiro trimestre
13/06/2019 11:40 - Vendas no e-commerce no período junino
13/06/2019 11:39 - Produtos típicos de festas juninas sobem 9,15%, diz FGV
12/06/2019 12:03 - Festa junina está mais cara
11/06/2019 12:06 - Comércio aposta na generosidade dos apaixonados nesta semana
10/06/2019 14:50 - Festas juninas: temporada de lucro para comerciantes e prestadores de serviços
10/06/2019 12:15 - Falta de insumo e comercialização são desafios de produtores orgânicos
07/06/2019 17:30 - Dia dos Namorados é segunda data em que brasileiros mais gastam com presentes
06/06/2019 11:25 - O futuro dos meios de pagamento por aproximação
04/06/2019 11:31 - Programa para redução do desperdício de alimentos inicia ações em junho

Veja mais >>>